Artigo Pe. Silvio: Vocacionados para a vida

No Evangelho de João, Jesus deixa a sua principal identidade: “Eu vim para que todos tenham vida” (Jo 10,10) e dessa forma, todas as suas exortações e seus testemunhos, foram carregados dessa certeza. A preocupação de Jesus era “ressuscitar” todas as realidades humanas já paralisadas pelos erros, pelos fracassos, pelas doenças…

Somos portadores dessa vida e precisamos também ser cuidadores da mesma. É o sentido do amor que Deus espera de todos nós. Para bem amá-Lo, precisamos amor o nosso próximo como a nós mesmos, não um amor narcisista, mas um amor que nos faz sair de nós mesmo e ir ao encontro do outro.

Mas como amar o outro se não nos amamos? Esse “amar-nos” é o mesmo que cuidar um pouco da nossa vida, cuidar do nosso crescimento espiritual, do nosso estilo de vida, cuidar da nossa saúde, da nossa aparência. Como é bonito ver que, na simplicidade, podemos ser pessoas bonitas, cuidadas, que oferecem sempre o bem.

Somos vocacionados para a vida! Não podemos nunca nos esquecer disso!

A vida tem limites a serem respeitados, recorda-nos o livro do Genesis e também tarefas que precisamos executar. Não vivemos por acaso.

Aproximemo-nos de Deus! Abramos o nosso coração aos seus ensinamentos. É preciso sempre atenção, interesse, docilidade e acolhida da Sua palavra e, dessa forma, seremos portadores do bem que Ele tem a nos oferecer todos os dias.

Que a bondade de Deus sempre nos alcance e nos provoque a buscar uma vida mais enraizada em Seu amor.

Compartilhe no Whatsapp !
Compartilhar